EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Navio com 311 migrantes a caminho do Sul de Espanha

Navio com 311 migrantes a caminho do Sul de Espanha
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Está a caminho de Algeciras o navio humanitário da ONG espanhola Proactiva Open Arms, que transporta 311 migrantes resgatados no mar Mediterrâneo. Espanha abriu as postas a estas centenas de pessoas, depois de Itália e Malta as terem fechado.

PUBLICIDADE

Está a caminho de Algeciras o navio humanitário da ONG espanhola Proactiva Open Arms, que transporta 311 migrantes resgatados no mar Mediterrâneo. Espanha abriu as portas a estas centenas de pessoas, depois de Itália e Malta as terem fechado.

No Twitter, o ministro italiano do Interior, Matteo Salvini, fez questão de repetir que os portos italianos estão fechados aos traficantes de seres humanos e seus cúmplices e desejou-lhes "Boa viagem".

A organização diz ter pedido também um porto para atracar à França e à Grécia, mas não ter recebido respostas.

"Agora estamos a caminho de Algeciras. Ainda não está confirmado que vamos desembarcar aí, mas as autoridades espanholas disseram-nos para nos dirigirmos para lá até nova ordem. Estamos a 900 milhas. Portanto, dependendo das condições do mar devemos chegar entre os dias 28 e 30 de dezembro. Esperamos chegar mais próximo do dia 28, dependendo das condições do mar", diz Gerard Casal, da ONG Open Arms.

Uma mulher e o seu bebé recém-nascido foram retirados do navio e transportados para Malta por um helicóptero da guarda-costeira desse país para receberem assistência médica.

O navio da Open Arms retomou no fim de novembro as missões de salvamento no Mediterrâneo central, na costa líbia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Meloni visita a Albânia com crise das migrações no topo da agenda

Em Monfalcone, Itália, um terço dos residentes é imigrante mas a autarquia é de extrema-direita

Canárias recebem dezenas de migrantes por dia e já duplicaram centros de acolhimento