A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

#Brexit: Começou o "Dia D" de Theresa May em Westminster

#Brexit: Começou o "Dia D" de Theresa May em Westminster
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Começou o debate final antes da votação do acordo do Reino Unido com a União Europeia para o "brexit". O procurador-geral e deputado conservador Geoffrey Cox foi o primeiro a tomar a palavra.

O camarada de Theresa May disse ter ouvido as diversas opiniões da Casa dos Comuns e reiterou o apoio ao acordo celebrado pela chefe de Governo com Bruxelas em relação aos termos do "divórcio amigável" marcado para 29 de março.

Para o procurador-geral, o "brexit" será "como uma chave" que servirá para "destrancar" a futura relação do Reino Unido com a União Europeia e também como "câmara de ar" ou "antecâmara" onde ambas as partes poderão afinar a estratégia a seguir na relação comum.

O debate acontece horas depois de a primeira-ministra se ter reunido com o executivo para ultimar os detalhes deste esperado debate.

Um porta-voz de Theresa May garantiu não ter sido discutido nesta reunião ministerial o eventual adiamento para lá do dia 29 de março da ativação do Artigo 50 do Tratado da União Europeia e que prevê a saída ainda inédita de um Estado-membro do bloco.

A chefe de Governo enfrenta a perspetiva de uma derrota esmagadora em Westminster, mas continua a insistir que aceitar o acordo celebrado por ela com Bruxelas é a única forma possível de respeitar a vontade expressa pelos britânicos no referendo que ditou o "brexit" a 23 de junho de 2016.