Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Guaidó preparado para suceder a Maduro

Guaidó preparado para suceder a Maduro
Tamanho do texto Aa Aa

A oposição a Nicolás Maduro tem um rosto cada vez mais visível. Com 35 anos, Juan Guaidó, presidente do parlamento venezuelano, aproveita a boleia da contestação ao resultado das últimas eleições presidenciais e declara-se pronto a assumir o poder.

Este sábado, num comício em Caracas, o tom foi de campanha eleitoral.

"Estamos unidos. Estamos nas ruas. Temos a Comunidade Internacional. Quem é que a Comunidade Internacional reconhece? A única instituição legítima que vai assumir todas as responsabilidades, podem contar com isso," disse Guaidó, referindo-se ao parlamento que preside.

O segundo mandato de Nicolás Maduro começou este mês. A oposição, que tem o controlo do parlamento, declarou Maduro como usurpador.

Estados Unidos e alguns países da América Latina não reconheceram o resultado das eleições. Os conselheiros de Donald Trump já consideram a hipótese de reconhecer Guaidó como o líder legítimo.