Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Conte tenta aliviar tensões com França

Conte tenta aliviar tensões com França
Tamanho do texto Aa Aa

Em Davos, o primeiro-ministro italiano tentou aliviar as recentes tensões entre o seu país e França, assentes nas divergências em termos de políticas migratórias. Para contrabalançar as duras críticas do chefe da diplomacia italiana Matteo Salvini, Giuseppe Conte frisou as fortes relações que unem Roma e Paris:

"Itália e França têm relações tradicionais inquestionáveis. Temos de enfrentar tópicos políticos cruciais, que fazem parte da agenda da Europa e da política internacional, com capacidade para nos sentarmos e tratarmos esses pontos críticos de forma descontraída."

A secretária de Estado da Economia francesa, Agnés Runacher, também defende que Paris e Roma devem trabalhar em conjunto em temas comuns, mas responde a Salvini dizendo que Itália não se deve intrometer nos assuntos franceses:

"Nós não nos metemos em discussões internas italianas e penso que é a melhor posição a manter. Neste momento, o que está em jogo para nós é construir uma Europa mais unida, em torno de princípios fortes e para melhorar a nossa competitividade coletiva."

Salvini apoiou recentemente o movimento dos "coletes amarelos" contra o governo de Emmanuel Macron em França, afirmando também esperar que "os franceses sejam capazes de se livrar de um péssimo presidente".