Última hora

Última hora

Pelo menos 14 mortos num comício do presidente Buhari

Pelo menos 14 mortos num comício do presidente Buhari
Direitos de autor
Luc Gnago (Reuters)
Tamanho do texto Aa Aa

Na Nigéria, pelo menos 14 pessoas morreram esta terça-feira durante um comício de campanha do presidente e de novo candidato Buhari.

O incidente ocorreu em evento realizado em Port Harcourt, cidade considerada o coração da produção petrolífera do país.

De acordo com a imprensa local, o pânico foi generalizado no final do comício num estádio quando uma multidão tentou sair por uma porta trancada.

Antes, durante o comício, ouviram-se muitas vozes de apoio ao ainda presidente. "Buhari é o homem dos nossos tempos. Reduziu a corrupção, a violência e os roubos na Nigéria. Quem não o defende não quer que o nosso futura seja brilhante", afirmou uma apoiante. Outra defensora da política de Buhari, explicou que "precisamos de ter paciência, quem se mantiver assim vence as eleições. Com tempo tudo vai melhorar e Buhari está trabalhar bem".

O principal adversário do atual presidente é o ex-vice-presidente Atiku Abubakar, do Partido Popular Democrático e as sondagem apontam para resultados muito próximos. Uma opositora ao governo atual, em entrevista à AfricaNews, explicou que "nos últimos anos, o povo têm-se queixado. Acredito que se Atiku chegar ao poder as coisas vão mudar".

Jerry Bambi, jornalista da AfricaNews, lembrou que "a poucos dias das eleições presidenciais, o presidente Mohammadu Buhari enfrenta uma onda de críticas por causa da economia e dos níveis de pobreza e insegurança em muitas zonas do país. No sábado, os nigerianos vão escolher se reconduzem o presidente ou mudam de rumo".