Última hora

Última hora

Charutos cubanos com faturações recorde

Charutos cubanos com faturações recorde
Tamanho do texto Aa Aa

São números surpreendentes tendo em conta as leis antitabaco e o aumento constante dos imposto.

As vendas dos charutos cubanos crescerem o ano passado e atingiram faturações recorde na história da empresa

José María López, vice-presidente da Habanos, sublinhou os resultados.

"2018 foi mais uma vez um ótimo ano para a Habanos. Registámos um crescimento de 7% em relação a 2017 e alcançámos os 537 milhões de dólares, o que é um recorde absoluto na história da empresa. Outra boa notícia é que o crescimento aconteceu em todas os diferentes mercados regionais".

Em 2018, a China superou a França e tornou-se no segundo maior consumidor mundial de charutos puros cubanos.

No primeiro lugar, continua a Espanha.