Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Trump espera progressos com a Coreia do Norte

Trump espera progressos com a Coreia do Norte
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O otimismo moderado reina na Casa Branca. Depois de agendar uma segunda cimeira com Kim Jong-un, Donald Trump tem uma boa perspetiva do futuro da relação entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte.

Ainda este mês, o presidente norte-americano recorreu ao Twitter para afirmar que "a Coreia do Norte, sob a liderança de Kim Jong-un, tornar-se-á numa grande potência económica". No entanto, admite ainda haver questões por resolver.

"As sanções estão em vigor, como vocês sabem. Eu não suspendi as sanções. Adoraria poder fazê-lo, mas para isso temos de ver qualquer esforço significativo do outro lado. Mas o Presidente Kim e eu temos um relacionamento muito bom. Não ficaria surpreendido se fizéssemos algum progresso", afirmou Trump.

O primeiro encontro entre os dois líderes aconteceu em junho. No final, assinaram uma declaração onde, de forma vaga, se comprometeram a desnuclearizar a península da Coreia. Mas até ao momento, não são conhecidos quaisquer avanços a este nível.

A próxima reunião entre Trump e Kim Jong-un está marcada para 27 e 28 de fevereiro, em Hanoi, no Vietname.