O renovado otimismo de Trump e Kim

O renovado otimismo de Trump e Kim
Tamanho do texto Aa Aa

Ao tão esperado aperto de mão entre Donald Trump e Kim Jong Un, em Hanói, no Vietname, seguiram-se declarações de muito otimismo.

Aliás, os dois líderes não parecem ter dúvidas sobre os resultados desta segunda cimeira, oito meses após um primeiro encontro em Singapura no qual se prometeu o fim do programa nuclear norte-coreano.

Como se sabe, isso não veio a acontecer. Mas Washington deixa entender que agora é de vez, ficando por saber as contrapartidas prometidas.

Apesar de não desmantelar o seu arsenal, o discurso de Pyongyang tem mudado radicalmente com os olhos postos no levantamento dos embargos internacionais.