A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Venezuela volta a ter luz elétrica

Venezuela volta a ter luz elétrica
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Venezuela saiu da penumbra, elétrica pelo menos. Vários estados do país ficaram às escuras durante dias no rescaldo de um apagão à escala nacional. Mas o ministro venezuelano da Comunicação anunciou que são águas passadas e que o serviço elétrico foi restabelecido a 100%.

As atividades laborais suspensas também voltaram à normalidade.

"O presidente Nicolás Maduro decidiu que as atividades laborais serão retomadas a partir desta quinta-feira", sublinhou Jorge Rodríguez, ministro de Comunicação e Informação da Venezuela, a partir do Palácio de Miraflores.

Só as atividades escolares continuarão suspensas por mais 24 horas. Para trás ficam dias sombrios mas as jornadas continuam a ser negras para muitos venezuelanos que sofrem na pele as consequências da grave crise que se vive no país.

O Governo anunciou exercícios militares previstos para o próximo fim de semana a fim de "proteger o povo e os serviços estratégicos da nação." E para evitar, diz o mesmo Governo, novos "ataques criminosos do terrorismo" da oposição e dos EUA.