EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Exército dinamarquês quer recrutar "gamers"

Exército dinamarquês quer recrutar "gamers"
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

É entre "gamers" que as Forças Armadas da Dinamarca estão à procura de candidatos para pilotos, comandantes de voo e operadores de radares.

PUBLICIDADE

É entre "gamers" que as Forças Armadas da Dinamarca estão à procura de candidatos para pilotos, comandantes de voo e operadores de radares.

Numa feira de jogos eletrónicos, em Copenhaga, o major Peter Moldrup explicou a aposta do exército: "Em geral, os gamers são bons comunicadores. São bons a focarem-se na resolução de uma tarefa. E aprendem rapidamente".

Os gamers mostram-se entusiasmados com a possibilidade de serem recrutados. "Estamos em frente ao computador dez horas por dia, de qualquer das formas. Se pudéssemos usar isso para o serviço militar, seria fantástico", realça um dos jogadores presentes no evento de Copenhaga.

As Forças Armadas já tinham recriado o processo de recrutamento em vários testes, a que foram submetidos gamers.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Pedreiro dinamarquês desafia a tradição com lápides ecológicas feitas de barro

Incêndio num dos mais antigos edifícios de Copenhaga terá destruído séculos de património cultural

Incêndio faz colapsar pináculo de edifício histórico da bolsa de Copenhaga