A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

O Facebook e Instagram eliminaram contas de “indivíduos perigosos"

O Facebook e Instagram eliminaram contas de  “indivíduos perigosos"
Direitos de autor
REUTERS/Jim Bourg
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Facebook baniu as contas de várias personalidades, conotadas como “indivíduos perigosos” e "divulgadores de teorias conspirativas", uma proibição que também abrange as suas contas no Instagram.

Em conferência de imprensa, um dos representantes do Facebook fez saber, que o processo de avaliação de potenciais prevaricadores é extenso, e foi o que os levou à decisão de remover estas contas na última quinta-feira

Constam da lista de pessoas "alegadamente perigosos e promotoras de discursos que incitam a violência e ódio" o radialista Alex Jones, fundador do site Infowars, o britânico Milo Yiannopoulos, e o extremista muçulmano afro-americano Louis Farrakhan entre muitos outros.