Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Bernardo Silva, o "menino querido" de Guardiola quer a "Champions"

Bernardo Silva em destaque numa época de ouro dos "citizens"
Bernardo Silva em destaque numa época de ouro dos "citizens" -
Direitos de autor
Premier League Action Images via Reuters/John Sibley
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Manchester City sagrou-se bicampeão inglês pela primeira vez na história e um nome português surge em destaque: Bernardo Silva, o "menino querido" do treinador dos "citizens."

No lançamento da decisiva deslocação a Brighton, este domingo, Pep Guardiola definiu o médio português, de 24 anos, simplesmente como "o melhor jogador desta temporada". "E não apenas na nossa equipa", acrescentou o espanhol: "Ele consegue jogar de uma forma incrível em qualquer equipa. Seja qual for. É alguém que faz tudo com a bola."

Bernardo Silva assume-se aliás como uma das figuras mais carismáticas da equipa. Até o músico Noel Gallagher, um dois fundadores do grupo Oasis e adepto ferrenho dos citizens, foi ao balneário em Brighton tirar uma fotografia ao lado do português.

Os jogadores do City aproveitaram a ilustre presença para um momento especial de comunhão, que o clube partilhou pelas redes sociais.

A equipa dedicou ao guitarrista dos, até ver extintos, Oasis uma reinterpretação especial de "Wonderwall", o tema ao qual Bernardo foi retirar uma frase, "today is gonna be the day", para ilustrar a partilha que ele próprio fez na respetiva conta de Twitter da fotografia ao lado de Noel Gallagher e do defesa belga Vincent Kompany.

No momento alto da festa do título, já no Estádio Etihad, em Manchester, horas depois da goleada por 4-1 em Brighton, o português não esqueceu a final ainda por jogar em Wembley, mas apontou já à próxima época.

"Para ser honesto, a derrota em Newcastle foi muito dura. Não esperávamos que as coisas acabassem desta maneira. Ser campeão com 14 vitórias consecutivas é inacreditável. Agora á hora de festejar. Somos campeões. No próximo sábado temos um jogo muito importante, queremos o "triplete" e espero que na próxima época consigamos trazer a Liga dos Campeões", desejou.

Ainda com um jogo por disputar, esta época Bernardo Silva falhou apenas duas das 38 jornadas do campeonato e soma um total de 50 partidas (menos três do que em 2017/18), quase 4000 minutos em campo e 13 golos marcados.

No estádio Etihad, milhares de adeptos celebraram uma vez mais ao som de "Hey jude!", dos Beatles, curiosamente um grupo da cidade do maior rival deste ano, o Liverpool. Desde 1968, ano do lançamento deste tema dos "fab four", que o tema é recorrente nas celebrações dos "citizens" de Manchester, mas a música dos Oasis também tem lugar cativo na "playlist" do estdio.