EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Petrolíferas internacionais "devem investir no capital humano angolano"

Petrolíferas internacionais "devem investir no capital humano angolano"
Direitos de autor 
De  João Peseiro Monteiro com Lusa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Na abertura do Angola Oil & Gas 2019, o presidente João Lourenço elencou as reformas em curso e desafiou os grandes atores internacionais do setor a investir na qualificação da mão de obra local.

PUBLICIDADE

O petróleo continua a ser a maior fonte de riqueza de Angola apesar do esforço agora encetado para diversificar a sua economia.

Na abertura da Conferência de Petróleo e Gás, que decorre em Luanda entre terça e quinta-feira, o presidente João Lourenço recordou aos principais atores mundiais do setor que devem investir no capital humano angolano e lembrou as medidas em curso para acabar com a falta de combustíveis no país.

O chefe de Estado também explicou aos presentes as reformas que estão a ser feitas no setor de forma a facilitar o investimento.

O Angola Oil & Gas 2019 acolhe mais de 1200 participantes e conta com meia centena de expositores com atividade no país.

Outras fontes • Angop

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Países Baixos suspendem oficialmente as perfurações no campo de gás de Groningen

Grécia aposta no desenvolvimento da produção de biometano em parceria com Itália

Áustria inicia perfuração na região de Molln em busca de gás