A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Haitianos pedem demissão do presidente nas ruas

Haitianos pedem demissão do presidente nas ruas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

No Haiti intensificam-se os protestos pela demissão do presidente Jovenel Moise, devido a acusações de corrupção, que o chefe de Estado nega.

Os manifestantes exigem uma maior investigação ao destino dos fundos do acordo PetroCaribe, uma aliança entre países das Caraíbas e a Venezuela. Uma investigação recente do Senado haitiano concluiu que, pelo menos, 14 antigos funcionários do governo terão usado, indevidamente, milhares de milhões de dólares sob a administração do ex-presidente Michel Martelly.

Foi mais uma semana de luta no país. Segunda e terça-feira foram dias de greve que paralisaram escolas, entidades estatais, transportes públicos e chegou mesmo a ser suspensa uma sessão do Parlamento.