Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Desafio do Monte Cristo teve prova de natação noturna

Desafio do Monte Cristo teve prova de natação noturna
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O desafio do Monte Cristo, que há 20 anos emociona os apaixonados pela natação na região de Marselha e não só, contou este ano com uma inovação. Uma das nove provas decorreu durante a noite.

Um desafio à altura dos mais temerários que há duas décadas repetem o percurso do herói de Alexandre Dumas, Edmond Dantes, que na obra "O Conde de Monte Cristo" fugiu das masmorras nadando do Chateau D'If até à praia Grand Roucas Blanc, em Marselha.

A prova noturna é dedicada ao Pure Ocean Fund, que se dedica a salvar os oceanos.

O organizador do evento, Dominique Lena explica: "A novidade deste ano, para marcar o 20º aniversário, é que organizámos uma prova noturna. Para além do desafio que nos colocamos como nas outras provas, queremos também encontrar um significado para esta prova e ter a possibilidade de nadar por uma causa".

Um total de 5.500 nadadores, de 59 países, participaram nas nove corridas deste ano.

Dantes, segundo Dumas, é um homem inocente ilegalmente condenado à infame prisão da ilha, que é consumido por pensamentos de vingança contra aqueles que o traíram e, com a ajuda de outro preso, traça um plano de fuga: Troca de lugar com o cadáver do seu amigo preso que acabou por morrer e, enfiado num saco, é deitado ao mar. Uma vez na água, nada até à costa de Marselha, a 5 quilómetros de distância.

Dantes nadou no século XIX para salvar a vida; os nadadores do século XXI são motivados pela literatura, pela magia do local e pela ambição desportiva.