EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

"Coletes negros" ocupam Panteão em Paris

"Coletes negros" ocupam Panteão em Paris
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Centenas de migrantes que afirmam trabalhar em França ocuparam o Panteão em Paris, para exigir documentos e habitação.

PUBLICIDADE

Cerca de 700 migrantes sem documentos invadiram o Panteão em Paris, esta sexta-feira. Trabalham em França, dormem nas ruas e estão ilegais.

Em protesto, exigem os mesmos direitos que os franceses, querem a situação regularizada e pretendem falar com o primeiro-ministro francês, Édouard Philippe.

Numa alusão aos manifestantes que protestam há meses em França por melhores condições de vida, autointitulam-se "coletes negros". Dizem que querem papéis porque "trabalham" e "alojamento, porque há 200 mil casas vazias em Paris".

As forças policiais intervieram para por termo à manifestação e o Panteão foi evacuado.

Os "coletes negros" saíram de forma pacífica, mas prometem continuar com o protesto até ao primeiro-mineiro francês dar uma resposta rápida aos problemas do coletivo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tensões aumentam em vésperas da deportação de imigrantes

Papa Francisco celebra missa dedicada aos migrantes

Crise dos migrantes chega ao Tribunal de Justiça da União Europeia