A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

GP de Budapeste: Jorge Fonseca e Patrícia Sampaio terminam em quinto

GP de Budapeste: Jorge Fonseca e Patrícia Sampaio terminam em quinto
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Concluíu hoje o Grande Prémio de Judo de Budapeste, com a competição das categorias mais pesadas.

O Japão foi o líder absoluto da prova, tendo alcançado 5 medalhas de ouro e 3 de prata. O Brasil foi segundo em medalhas, com duas de ouro e duas de prata.

A seleção portuguesa

Jorge Fonseca, na categoria -100 kg, e Patrícia Sampaio, em -78 kg, terminaram este domingo em quinto lugar, no que foi o melhor resultado atingido em Budapeste pela seleção portuguesa, composta por 13 judocas.

Patrícia Sampaio começou por vencer a russa Niurguiana Nikiforova, por Waza-ari mas perdeu com a brasileira Mayra Aguiar, por ippon, nos quartos de final. Na disputa pelo bronze foi derrotada pela britânica Natalie Powell, por ippon.

Momento do derradeiro combate de Patrícia Sampaio frente à britânica Natalie Powell.

Jorge Fonseca venceu o peruviano Jose Luís Osório por ippon, o sérvio Bojan Dosen por Waza-ari, e o húngaro Miklos Cirjenics também por ippon.

Nas meia-final, o judoca foi derrotado pelo japonês Aaron Wolf, por ippon, e no combate pelo bronze perdeu frente ao sul-coreano Guham Cho, por ippon.

Rochele Nunes foi sétima classificada em +78 kg, vencendo a húngara Mercedesz Szigetvari, por ippon, para perder depois com a brasileira Beatriz Souza por ippon, e com a cubana Idalys Ortiz.

Por sua vez, Yahima Ramirez participou apenas num combate, na categoria -78 kg, perdendo com a argelina Kaouthar Ouallal, por ippon.

O nosso Homem do Dia

O campeão do mundo da categoria de -90kg Nikoloz Sherazadishvili sagrou-se o nosso homem do dia. O judoca está a passar por um período difícil mas veio a Budapeste para ganhar.

Despachando um a um, com grandes lances, os seus adversários, o espanhol defrentou na final o japonês Shoichiro Mukai, um combate que foi táctico e empolgante e que ficou decidido no ponto de ouro com um contra-ataque brilhante e a vitória, por ippon, de Nikoloz Sherazadishvili.

Nikoloz Sherazadishvili
"Estávamos ambos muito nervosos. Conhecemo-nos bem e ele prep arou-se para mim tal como eu me preparei para ele. Foi uma final muito táctica, sem muitos ataques, mas muito, muito dura."
Nikoloz Sherazadishvili

O Presidente da Federação Internacional de Judo, Marius Vizer, condecorou o judoca.

A nossa Mulher do Dia

A nossa mulher do dia foi a nipónica Wakaba Tomita, antiga campeã do mundo em júniores.

A judoca Wakaba Tomita venceu na final a tunisina Nihel Cheikh Rouhou.

Apesar de esta ser a sua estreia num Grande Prémio e de ser também uma das atletas mais leves na categoria de +78kg, a judoca mostrou grande maturidade nos combates frente às várias campeãs do mundo e campeãs olímpicas na categoria.

A judoca venceu na final a tunisina Nihel Cheikh Rouhou.

Wakaba Tomita
"A minha adversária era muito maior e mais forte do que eu, por isso sabia que tinha que me concentrar em agarrá-la e dominá-la, para ela não prevalecer no ataque."
Wakaba Tomita

As restantes categorias

O Japão ganhou hoje uma segund medalha de ouro. Na final de -100kg, o japonês campeão do mundo de 2017, Aaron Wolf, lutou frente ao judoca Grigori Minaskin, da Estónia. Wolf provou ser demais para Minaskin, batendo-o com um Uchi-mata e reivindicando o título.

O húngaro campeão olímpico e bi-campeão do mundo de boxe István Kovacs presenteou o judoca com a medalha de ouro.

A brasileira Mayra Aguiar foi a vencedora da categoria de -78kg. Após o arremesso espetacular na meia-final contra a cubana Kaliema Antomarchi, a brasileira superou na final a nipónica Ruika Sato.

O israelita Or Sasson e o japonês Kokoro Kageura disputaram a final de +100kg, em que Or Sasson prevaleceu com um golpe Kosoto Gake.

O judoca foi condecorado por György Szöllősi, Presidente da Associação de Jornalistas Desportivos húngara.

O Movimento do Dia

O nosso movimento do dia foi o enorme Uchi-mata do georgiano ex-campeão do mundo Avtandili Tchrikishvili no combate da primeira ronda em -90kg frente ao polaco Piotr Kuczera.

Para terminar da melhor maneira um incrível fim de semana de judo na Hungria.

A próxima prova terá lugar de 26 a 28 de Julho em Zagreb.