A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Kramp-Karrenbauer toma posse como ministra da Defesa

Kramp-Karrenbauer toma posse como ministra da Defesa
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A nova ministra alemã da Defesa tomou posse esta quarta-feira.

Líder da União Democrata-Cristã (CDU) de Ângela Merkel, Annegret Kramp-Karrenbauer assume o cargo depois da eleição de Ursula Von der Leyen para a liderança da Comissão Europeia.

A cerimónia decorreu numa sessão extraordinária do Bundestag, em Berlim. Na primeira declaração como ministra, Kramp-Karrenbauer sublinhou a relação especial entre o Parlamento e as Forças Armadas e a destacou a responsabilidade pelo futuro do pais. Assumiu ainda o compromisso de continuar a estratégia de Von der Leyen e, nos próximos cinco anos, aumentar os gastos militares para 1,5% do PIB.

“Para ser muito clara, este aumento não responde aos desejos exteriores nem se trata de um reforço militar. Trata-se de equipamento e pessoal. Trata-se das forças armadas alemãs”.

Apontada como sucessora de Merkel, Kramp-Karrenbauer não tem experiência na área. Enfrenta o ceticismo tanto das Forças Armadas como da oposição, que acusa a CDU de usar a pasta da Defesa como campo de treino para a próxima chanceler alemã.