A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Von der Leyen procura melhorar relações UE - Polónia

Von der Lyen em Varsóvia com o primeiro-ministro Morawiecki
Von der Lyen em Varsóvia com o primeiro-ministro Morawiecki -
Direitos de autor
Reuters/KACPER PEMPEL
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Foi um dos países que mais a apoiou na eleição para Presidente da Comissão Europeia e, talvez por isso, Ursula von der Leyen tenha escolhido a Polónia como um dos primeiros países a visitar.

A alemã chegou esta quinta-feira a Varsóvia com uma mensagem de diálogo, o que está a ser visto como um sinal de que a nova Comissão irá distanciar-se das posições mais criticas do ainda presidente Jean-Claude Juncker.

"Haverá tópicos em que concordamos, haverá tópicos em que discordamos. Há questões difíceis que temos de abordar como as migrações ou o Estado de Direito. Acho que é importante ouvirmo-nos e respeitarmo-nos e nunca esquecer porque estamos na União Europeia ou porque viemos para a União Europeia."

Varsóvia espera chegar a acordo com Von der Leyen nos três pontos-chave que geraram conflitos com Bruxelas nos últimos anos: o Estado de Direito, as políticas de Imigração e o Clima. Uma expectativa partilhada pelo primeiro-ministro polaco, Mateusz Morawiecki.

"Vamos tentar criar juntos uma nova abertura, construir uma Europa de compromissos, uma Europa de entendimentos, de acordo em muitas questões fundamentais relativas ao comércio, energia, economia, futuro, inovações. Estamos abertos a todos os tipos de discussões. Estou muito feliz pela senhora presidente ter vindo à Polónia ter estas discussões."

Neste encontro entre os dois líderes falou-se também da nova Comissão Europeia. O primeiro-ministro polaco espera que o comissário do país tenha um dos lugares mais relevantes na equipa de Von der Leyen, com uma pasta relacionada com a economia, mercado interno, energia, agricultura ou orçamento.