Funeral do polícia italiano assassinado por adolescentes norte-americanos

Funeral do polícia italiano assassinado por adolescentes norte-americanos
Direitos de autor Screenshot
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A cerimónia fúnebre de Mario Cerciello Rega, de 35 anos, aconteceu na mesma igreja onde há dois meses se tinha casado.

PUBLICIDADE

Luto e consternação na cidade de Somma Vesuviana. A Itália disse o último adeus ao agente policial esfaqueado por dois adolescentes norte-americanos na sexta-feira no centro de Roma.

A cerimónia fúnebre de Mario Cerciello Rega, de 35 anos, aconteceu na mesma igreja onde há dois meses se tinha casado. O agente terá surpreendido os dois auto confessos jovens norte-americanos - Finnegan Lee Elder, de 19 anos, e Gabriel Christian Natale-Hjorth, de 18 - na sequência de um negócio de droga que terá corrido mal.

Ainda acabado de regressar de lua-de-mel, Mário Rega foi esfaqueado múltiplas vezes e o colega espancado.

Matteo Salvini e Luigi Di Maio, líderes da coligação governamental italiana estiveram presentes nas exéquias.

A repórter da Euronews, Giorgia Orlandi, explica que "apesar da polémica que se seguiu à publicação de uma fotografia de um dos jovens algemado e com os olhos vendados, hoje a Itália está unida num dia de tristeza, o dia do funeral que aconteceu não muito longe de Nápoles, na mesma igreja onde o carabiniere tinha casado há pouco mais de 40 dias. Há também discussões públicas sobre as regras de atuação da polícia, que algumas pessoas pretendem mudar".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Roma homenageia polícia assassinado

Norte-americano confessa assassinato de polícia em Roma

Itália abre centro para migrantes de países "seguros"