A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Moçambique assina nova paz

Moçambique assina nova paz
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Filipe Niusy, o presidente de Moçambique, líder da Frelimo, e Ossufo Momade, líder da Renamo, os dois juntos para assinar a paz esta quinta-feira. O anúncio foi proferido por Niusy na Assembleia da República.

A cessação definitiva das hostilidades militares vai ser assinada na serra da Gorongosa. O acordo, que teve também o empenho do falecido líder histórico do partido da perdiz, Afonso Dhlakama e depois de Ossufo Momade, prevê o fim formal dos confrontos entre as Forças de Defesa e Segurança moçambicanas e o braço armado da Resistência Nacional Moçambicana.

O compromisso de quinta-feira será o terceiro depois da assinatura do Acordo Geral de Paz de Roma de 1992 e o acordo de cessação das hostilidades militares em 2014, na sequência de uma nova vaga de confrontos entre as duas partes.