A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Avião aterra de emergência perto de Moscovo

Avião aterra de emergência perto de Moscovo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um avião da companhia Ural Airlines foi obrigado a aterrar de emergência num campo de milho, pouco depois de ter levantado voo em Moscovo.

Já no ar, os motores da aeronave sugaram vários pássaros, obrigando os pilotos a uma manobra da qual resultaram pelo menos 55 feridos, entre os 226 passageiros a bordo e a tripulação.

Pouco depois da descolagem no aeroporto Zhukovsky, os passageiros começaram a sentir o avião a abanar, sem saber porquê. Os momentos foram registados a bordo.

"Havia um silêncio ensurdecedor a bordo. Toda a gente a ver o que acontecia. Até que o avião aterrou de forma brusca. Segurei na minha bebé, tinha medo que fosse sacudida pelo abanão", relatou uma passageira.

Na Rússia, a comunicação social está descrever a aterragem como "um milagre sobre Ramensk", numa referência à região onde o avião acabou por entrar em contacto com o solo.

Uma comissão especial irá investigar as causas do incidente. No entanto, o desfecho sem mortes do voo acidentado, levou já o Kremlin a condecorar os dois pilotos da companhia russa.