Última hora

Avião aterra de emergência perto de Moscovo

Avião aterra de emergência perto de Moscovo
Tamanho do texto Aa Aa

Um avião da companhia Ural Airlines foi obrigado a aterrar de emergência num campo de milho, pouco depois de ter levantado voo em Moscovo.

Já no ar, os motores da aeronave sugaram vários pássaros, obrigando os pilotos a uma manobra da qual resultaram pelo menos 55 feridos, entre os 226 passageiros a bordo e a tripulação.

Pouco depois da descolagem no aeroporto Zhukovsky, os passageiros começaram a sentir o avião a abanar, sem saber porquê. Os momentos foram registados a bordo.

"Havia um silêncio ensurdecedor a bordo. Toda a gente a ver o que acontecia. Até que o avião aterrou de forma brusca. Segurei na minha bebé, tinha medo que fosse sacudida pelo abanão", relatou uma passageira.

Na Rússia, a comunicação social está descrever a aterragem como "um milagre sobre Ramensk", numa referência à região onde o avião acabou por entrar em contacto com o solo.

Uma comissão especial irá investigar as causas do incidente. No entanto, o desfecho sem mortes do voo acidentado, levou já o Kremlin a condecorar os dois pilotos da companhia russa.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.