A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Surto de peste suína africana faz disparar preço da carne na China

Surto de peste suína africana faz disparar preço da carne na China
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Surto de peste suína africana na China faz disparar o preço da carne no gigante asiático.

O preço da carne de porco subiu mais de 40% - está agora mais cara do que a carne de vaca.

Milhões de porcos foram abatidos nos últimos meses. Estima-se que se perdeu um terço da produção chinesa.

Aumentaram as importações, mas aumentou também a criação de aves no país.

"O preço da carne de pato devia ter descido, mas, por causa da peste suína, mantém-se elevado e deve subir de novo. As perspectivas são boas," diz Wang Shuhong, presidente de um grupo de criadores de aves. Da quinta do grupo Sheng He saem diariamente milhares de pequenos patos. Um negócio que deve fechar o ano com um crescimento de 30%.

A China liderava a produção mundial de carne de porco. Neste momento há registo de casos de peste suína africana em todas as províncias do país.