EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Bruxelas diz que Londres tem de pagar "compromissos financeiros"

Bruxelas diz que Londres tem de pagar "compromissos financeiros"
Direitos de autor © 2018OLIVIER HOSLET
Direitos de autor © 2018
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Bruxelas já reagiu às afirmações do novo primeiro-ministro britânico, de que o Reino Unido não teria de pagar o divórcio de 39 mil milhões de libras acordado pela sua antecessora, caso não haja um acordo para a saída da União Europeia.

PUBLICIDADE

Bruxelas já reagiu às afirmações do novo primeiro-ministro britânico, de que o Reino Unido não teria de pagar o divórcio de 39 mil milhões de libras acordado pela sua antecessora, caso não haja um acordo para a saída da União Europeia.

"Os britânicos terão de efetuar os seus pagamentos e as suas contribuições financeiras em quaisquer circunstâncias, independentemente de haver ou não um acordo. Acho que assim que tiver visto melhor as coisas, vai entender que estas são obrigações legais e financeiras, que devem ser absolutamente respeitadas. E vão ser. É importante que não haja conflito neste ponto, porque é uma condição para que haja confiança nas discussões que estão para vir", frisou o Comissário Europeu dos Assuntos Económicos, Pierre Moscovici.

O Comissário Europeu deixou bem claro que Bruxelas não está aberta a discutir este ponto.

O líder da Oposição, Jeremy Corbyn do Partido Trabalhista, disse esta terça-feira que vai fazer tudo o que for necessário para impedir que o Reino Unido saia da União Europeia sem um acordo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Debate Europeias: eleitores que votam pela primeira vez colocaram questões aos candidatos

"A próxima Comissão será de centro-direita", diz copresidente do CRE

No hemiciclo e com perguntas do público: como será conduzido o debate sobre as eleições europeias