Última hora

Independentistas catalães apelam à desobediência civil

Independentistas catalães apelam à desobediência civil
Tamanho do texto Aa Aa

Dois anos depois de organizarem um referendo sobre a autodeterminação, considerado ilegal pelas autoridades espanholas, os separatistas catalães saíram à rua esta terça-feira e apelaram à "desobediência civil" como resposta a uma possível condenação dos líderes que estão a ser julgados pela tentativa de secessão em 2017.

O Supremo Tribunal, que de fevereiro a junho julgou doze líderes independentistas catalães, nove dos quais estão detidos provisoriamente, deve anunciar a decisão em breve. Foram pedidas penas de 7 a 25 anos de prisão.

"Foi um dia de tensão contida e de manifestantes mobilizando-se - foi como um ensaio geral do que pode acontecer no dia em que for lida a sentença - o que deve acontecer entre os dias 10 e 16 de outubro. Os movimentos independentistas aguardam pela sentença, porque isso dará um momento extra ao movimento e também apagará as clivagens entre as diferentes fações soberanistas. Os independentistas usaram este 2º aniversário do referendo para fazer um apelo geral à desobediência civil como resposta à sentença - uma resposta que eles querem como unificadora, maciça , não violenta, apenas de desobediência civil", relata a correspondente da euronews em Barcelona, Cristina Giner.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.