Independentistas catalães apelam à desobediência civil

Independentistas catalães apelam à desobediência civil
De  Ricardo FigueiraCristina Giner
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Marcha assinalou o segundo aniversário do referendo de independência.

PUBLICIDADE

Dois anos depois de organizarem um referendo sobre a autodeterminação, considerado ilegal pelas autoridades espanholas, os separatistas catalães saíram à rua esta terça-feira e apelaram à "desobediência civil" como resposta a uma possível condenação dos líderes que estão a ser julgados pela tentativa de secessão em 2017.

O Supremo Tribunal, que de fevereiro a junho julgou doze líderes independentistas catalães, nove dos quais estão detidos provisoriamente, deve anunciar a decisão em breve. Foram pedidas penas de 7 a 25 anos de prisão.

"Foi um dia de tensão contida e de manifestantes mobilizando-se - foi como um ensaio geral do que pode acontecer no dia em que for lida a sentença - o que deve acontecer entre os dias 10 e 16 de outubro. Os movimentos independentistas aguardam pela sentença, porque isso dará um momento extra ao movimento e também apagará as clivagens entre as diferentes fações soberanistas. Os independentistas usaram este 2º aniversário do referendo para fazer um apelo geral à desobediência civil como resposta à sentença - uma resposta que eles querem como unificadora, maciça , não violenta, apenas de desobediência civil", relata a correspondente da euronews em Barcelona, Cristina Giner.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Espanha tem plano de 1,4 mil milhões para salvar Parque Nacional de Doñana

Direita espanhola nas ruas contra acordo de amnistia para independentistas catalães

Por que razão Espanha é dos poucos na UE a apoiar a Palestina?