Última hora
This content is not available in your region

Milhares de deslocados na Síria

euronews_icons_loading
Milhares de deslocados na Síria
Tamanho do texto Aa Aa

Depois de dois dias de ofensiva turca no nordeste da Síria, há milhares de deslocados e dezenas de mortos.

Segundo o Observatório Sírio para Direitos Humanos, pelo menos 23 combatentes das forças democráticas sírias, lideradas pelos curdos, e seis combatentes de grupo rebelde sírio, apoiado pela Turquia, foram mortos.

A operação “Primavera da Paz” começou na quarta-feira, depois de Donald Trump retirar as tropas norte-americanas da região. O presidente enfrenta as críticas de figuras importantes da política dos Estados Unidos, inclusive do Partido Republicano, que acusam o presidente de “abandonar aliados leais”.

Na conta do Twitter, Trump revelou que que está em contacto com os dois lados do conflito e voltou a dizer que o governo de Ancara vai ser atingido financeiramente se "não obedecer às regras".

Desde 2014, as Forças Democráticas da Síria têm sido um dos principais aliados de Washington na luta contra o Estado Islâmico.

O presidente turco considera as forças curdas como um grupo terrorista e teme que a criação de um território autónomo curdo na Síria fortaleça os movimentos separatistas da Turquia.