Última hora

Compras na internet aumentam na União Europeia

Compras na internet aumentam na União Europeia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Black Friday começou nos Estados Unidos da América e rapidamente se propagou por todo o globo, mas as grandes promoções estão cada vez mais nas plataformas de compras em linha.

Segundo dados do Eurostat, em 2018, cerca de 60% da população da União Europeia, entre os 16 e os 74 anos, fizeram compras na internet. Em 2008, este número rondava os 32%.

De acordo com o gabinete de estatísticas da União Europeia, são os homens os maiores compradores em linha e o número tende a aumentar.

Entre 2008 e 2018, o número de homens que fizeram compras na internet aumentou de 35% para os 61%. Quanto às mulheres, em 2008 apenas 30% fizeram compras nas lojas virtuais. Uma década depois, este número quase que duplicou, ficando-se nos 59%.

Entre os Europeus, os dinamarqueses são aqueles que mais aderiram às promoções das plataformas de compras em linha. Mais de 80% adquiriram os produtos através da internet. No outro lado da balança, estão os Romenos. Em 2018, apenas 20% fizeram as suas compras nas lojas virtuais.

Quanto a Portugal, o país está abaixo da média europeia.

Os portugueses parecem preferir ir às lojas físicas para comprarem os seus produtos. De acordo com o Eurostat, em 2018, menos de 40% dos portugueses fizeram compras na internet.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.