Última hora
This content is not available in your region

Trump anuncia regresso às conversações de paz com os talibãs

euronews_icons_loading
Trump anuncia regresso às conversações de paz com os talibãs
Tamanho do texto Aa Aa

Uma visita surpresa marcou o Dia de Ação de Graças de milhares de tropas norte-americanas no Afeganistão. Donald Trump quis celebrar o feriado junto dos militares para anunciar que os Estados Unidos estão de volta às negociações de paz com os talibãs, depois de o diálogo ter sido suspenso em setembro.

A visita do presidente ocorreu poucas semanas depois de uma troca de dois académicos raptados e detidos em 2016 por três combatentes talibãs.

Num discurso dirigido aos militares, Trump referiu ainda ter detidos "milhares de prisioneiros" que gostaria de devolver à Europa. "Deviam estar a receber essas pessoas e a julgá-las. Se nós não o fizéssemos, elas voltariam para França, para a Alemanha, para o Reino Unido, para todos esses países de onde vieram. É para lá que querem voltar e a Europa deveria aceitá-los", afirmou.

Donald Trump diz querer reduzir as tropas no Afeganistão. Estima-se que atualmente permaneçam no território entre 12 e 13 mil soldados norte-americanos.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.