Última hora
This content is not available in your region

Pyongyang estuda reforço das capacidades militares

Pyongyang estuda reforço das capacidades militares
Direitos de autor
AP
Tamanho do texto Aa Aa

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-Un, reuniu-se com responsáveis do Exército para equacionar os meios para reforçar as capacidades militares do país, poucos dias antes do fim de um ultimato lançado por Pyongyang a Washington.

O anúncio do encontro foi feito pelos meios oficiais norte-coreanos e surge entre especulações de que o regime norte-coreano poderá abandonar a via da diplomacia com os Estados Unidos e lançar um novo míssil de longo alcance ou um foguetão com capacidade para transportar um satélite, se Washington não aceitar as exigências de novos incentivos para resgatar, até ao fim do ano, as negociações sobre o nuclear.

O diálogo encontra-se num impasse depois do falhanço da cimeira de Hanoi, em fevereiro, entre Kim Jong-Un e Donald Trump.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.