Última hora
This content is not available in your region

Manifestação em Belgrado contra detenção de deputados no Montenegro

euronews_icons_loading
Manifestação em Belgrado contra detenção de deputados no Montenegro
Direitos de autor  AP
Tamanho do texto Aa Aa

Em frente à embaixada do Montenegro em Belgrado, dezenas de bandeiras da Sérvia em sinal de protesto, esta sexta-feira à noite.

Os manifestantes reuniram-se para apoiar os três deputados sérvios que foram detidos depois dos incidentes que ocorreram de quinta para sexta-feira. Os deputados tentaram impedir a adoção de uma lei que prevê a nacionalização de bens que as igrejas não conseguirem provar que a propriedade é anterior a 1918, altura em que o país perdeu a independência e foi integrado no reino dos sérvios, croatas e eslovenos.

Este projeto de lei é considerado "discriminatório e inconstitucional" pela igreja ortodoxa sérvia.

As autoridades do Montenegro garantem que os deputados foram detidos porque agrediram um oficial no exercício de funções e impediram e impediram um polícia de trabalhar. A polícia revelou que deteve 22 pessoas, entre eles 17 deputados da oposição. Entretanto 19 foram postos em liberdade.

Os parlamentares terão atirado uma lata de gás lacrimogéneo para o hemiciclo e destruíram alguns microfones, tentando com isso impedir a votação.