Última hora
This content is not available in your region

Nova greve geral em França contra reforma de pensões

Nova greve geral em França contra reforma de pensões
Direitos de autor
AP Photo/Michel Euler
Tamanho do texto Aa Aa

França volta a mobilizar-se contra a reforma de pensões de Emmanuel Macron.

Pela quarta vez, em pouco mais de um mês, o país está em greve geral e os franceses estão na rua.

Só em Paris, - diz a Confederação Geral do Trabalho - 370 mil manifestantes contestam as medidas que o governo prevê adotar em Conselho de Ministros, a 24 de Janeiro, e apresentar à Assembleia Nacional, a 17 de Fevereiro.

Entre as mais polémicas, está o aumento da idade da reforma dos 62 para os 64 anos e a uniformização dos 42 sistemas de pensões que atualmente existem em França.

Macron pediu, no entanto, ao governo para chegar a um compromisso com os sindicatos. As negociações mantêm-se, focadas no financiamento do regime de pensões.

A paralisação já provocou cortes na potência da eletricidade, está a afetar escolas, hospitais e transportes, e levou ao encerramento de monumentos como a Torre Eiffel.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.