Última hora
This content is not available in your region

Migrantes do "Open Arms" autorizados a desembarcar em Itália

euronews_icons_loading
Migrantes do "Open Arms" autorizados a desembarcar em Itália
Direitos de autor  .
Tamanho do texto Aa Aa

Depois de vários dias à deriva no mediterrâneo, o navio "Open Arms" recebeu autorização para desembarcar 363 migrantes no porto italiano de Pozzallo, na Sicília.

A organização não governamental espanhola já tinha tentado atracar no porto de Malta, mas a ação acabou por ser negada em três pedidos diferentes.

Na sexta-feira, dois dos migrantes a bordo foram retirados do navio por questões de saúde e transportados para um hospital italiano. Este sábado, todos os restantes foram autorizados a pisar terra ao fim de vários dias no mar.

A ONG "Open Arms" diz ter resgatado os migrantes de várias embarcações de borracha provenientes da Líbia.

Itália, a maior porta de entrada para refugiados do norte de África, tem vindo a aceitar vários desembarques de migrantes com uma condição: Que o resto dos estados-membros aceitem acolher parte das pessoas.