Última hora
This content is not available in your region

Venezuela suspende voos da TAP durante 90 dias

euronews_icons_loading
Venezuela suspende voos da TAP durante 90 dias
Direitos de autor  euronews
Tamanho do texto Aa Aa

A Venezuela suspendeu os voos da Transportadora Aérea Portuguesa durante 90 dias. A TAP foi apanhada de surpresa e em causa está um voo de Lisboa para Caracas.

A Venezuela acusa a companhia aérea de ter permitido o transporte de explosivos durante a viagem e de ter ocultado a identidade de Juan Guaidó, o líder da oposição.

A decisão do governo Nicolas Maduro foi anunciada pelo ministro dos Transportes do país.

As autoridades venezuelanas alegam que a TAP escondeu o nome de Guaidó da lista de passageiros registando-o com uma identidade falsa tendo violado as normas de segurança internacionais.

O Governo português diz não ter qualquer indício de irregularidades no voo e pediu um inquérito para averiguar as acusações.

Os passageiros também foram apanhados de surpresa e os emigrantes portugueses vivem um clima de apreensão. Sem os serviços da TAP na Venezuela sentem-se isolados no país e com menor acesso a bens ou medicamentos.