Última hora
This content is not available in your region

Israel bombardeia Jihad Islâmica em Gaza e na Síria

euronews_icons_loading
Israel bombardeia Jihad Islâmica em Gaza e na Síria
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Israel ordenou o fecho preventivo de escolas, comércios e estradas no sul do país, depois de durante a noite a aviação hebraica ter realizado vários bombardeamentos contra "posições" da Jihad Islâmica na Faixa de Gaza e na Síria.

As autoridades em Gaza informaram de pelo menos quatro civis feridos nos raides aéreos, enquanto o Observatório Sírio dos Direitos humanos contabilizou seis combatentes mortos, dois dos quais da Jihad Islâmica, na operação israelita sobre o território sírio.

Os bombardeamentos foram uma resposta contra o lançamento de duas dezenas de "rockets" da Faixa de Gaza para o sul de Israel, reivindicado pela Jihad Islâmica.

Um ataque que aconteceu depois de, na manhã de domingo, o exército israelita ter aberto fogo sobre dois combatentes do grupo, acusando-os de "tentar colocar um engenho explosivo" junto à barreira de separação entre a Faixa de Gaza e o território hebraico.

Uma retroescavadora foi usada para recuperar o corpo de um dos combatentes e um vídeo do momento em questão foi largamente divulgado nas redes sociais palestinianas, provocando demonstrações de indignação.