Última hora
This content is not available in your region

Legislativas de Israel: Netanyahu à frente na contagem dos votos

euronews_icons_loading
Legislativas de Israel: Netanyahu à frente na contagem dos votos
Direitos de autor  AP Photo/Oded Balilty
Tamanho do texto Aa Aa

Os votos ainda não foram todos contados mas Benjamin Netanyahu já assumiu vitória nas Eleições Legislativas de Israel.

O Likud, o partido do atual primeiro-ministro israelita lidera a contagem - a qual avança muito lentamente - e que coloca o rival Benny Gantz atrás do atual chefe de governo, acusado de corrupção - processo que foi utilizado como arma da campanha dos adversários - .

"É uma vitória contra todas as expectativas, porque lutámos contra forças poderosas...os nossos oponentes fizeram o nosso obituário e disseram que a era Netanyahu tinha terminado", disse o primeiro-ministro de Israel no palco mal foram conhecidos os primeiros resultados.

A era de Netanyahu deverá continuar mas com um futuro desconhecido. Os primeiros resultados apontam para 36 ou 37 cadeiras no parlamento para o Likud, e para o bloco de centro-esquerda, o partido "Azul e Branco", liderado por Benny Gantz, entre 32 a 34 assentos.

Benny Gantz reagiu aos primeiros resultados com tristeza e pediu que se aguardasse pelos resultados oficiais.

"Entendo e compartilho o sentimento de deceção e de dor por não obter o resultado que desejávamos, e se estes são os resultados finais, eles não vão pôr Israel de volta ao caminho certo", admitiu o oponente de Netanyahu.

Até às sete da manhã desta terça-feira apenas 30% dos votos tinham sido contados. Netanyahu não deverá conseguir as 61 cadeiras que lhe dariam maioria para poder formar governo mas conseguiu a confiança dos isrealitas, mesmo depois de se tornar no primeiro chefe de governo do país a ser acusado de corrupção.