Última hora
This content is not available in your region

COVID-19: Número de vítimas mortais em Espanha supera as 1700

euronews_icons_loading
COVID-19: Número de vítimas mortais em Espanha supera as 1700
Direitos de autor  José Manuel Vidal/MTI/MTVA
Tamanho do texto Aa Aa

Em Espanha, onde o executivo decidiu prolongar por mais 15 dias o estado de emergência nacional e onde se improvisam hospitais de campanha, agravou-se o cenário por causa o surto do novo coronavírus.

Desde este sábado morreram mais de 400 pessoas, o que representa um total de 1753 vítimas mortais, de acordo com o balanço do ministério da Saúde e dados cruzados das comunidades autónomas.

Nos hospitais o ambiente é cada vez mais pesado, como explicam alguns profissionais, que denunciam a falta de materiais e de roupas impermeáveis para fazer frente à situação.

Este sábado, o primeiro-ministro anunciou a compra de 649 mil testes para o vírus. Um número que vai aumentar a curto prazo porque o acordo para importar seis milhões está a ser fechado.

Pedro Sánchez adiantou ainda o arranque da distribuição de 500 mil máscaras cirúrgicas para profissionais e de 800 mil para os pacientes em todas as regiões autónomas.

Ainda assim, o chefe do Governo admitiu que o pior ainda está para vir e alertou os espanhóis para estarem preparados, psicológica e emocionalmente.