Migrantes do "Alan Kurdi" transferidos para navio de maiores dimensões

Migrantes do "Alan Kurdi" transferidos para navio de maiores dimensões
Direitos de autor euronews
De  Patricia Tavares
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Vão receber assistência e permanecer em quarentena ao largo de Palermo.

PUBLICIDADE

A SOS Mediteranée e a MSF romperam um acordo de quatro anos. As duas organizações humanitárias discordam relativamente à estratégia a seguir.

A SOS Mediterranée decidiu que, dada a situação política e devido à crise sanitária, vai suspender as missões permanecer no porto de Marselha, na esperança de recomeçar as operações de resgate o mais rápido possível.

Entretanto, outro navio vai continuar a fazer a travessia marítima para tentar resgatar migrantes: o Alan Kurdi, a embarcação da ONG Sea-Eye, o navio concluiu uma missão de quase duas semanas e finalmente foi autorizado a transferir os 146 migrantes a bordo para uma embarcação de maiores dimensões.

Os migrantes onde vão receber assistência e permanecer a bordo em quarentena, ao largo da cidade siciliana de Palermo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Croata bate recorde mundial de mergulho em apneia no gelo

O país mais velho da Europa: o que está por detrás do problema do envelhecimento em Itália?

Buraco abre-se em rua de Nápoles e engole dois carros