Última hora
This content is not available in your region

Covid 19: Reino Unido com falta de equipamento de proteção

euronews_icons_loading
Covid 19: Reino Unido com falta de equipamento de proteção
Direitos de autor  Jon Super/Jon Super
Tamanho do texto Aa Aa

Megan John é médica. Como muitos profissionais de saúde no Reino Unido que tratam pacientes com COVID-19, vê-se obrigada a tentar arranjar equipamento de proteção com os próprios meios.

Mas existem voluntários que estão a fabricar roupas de proteção gratuitamente. Fazem parte de um grupo do Facebook chamado "Love Of Scrubs".

Não me lembro de entrar na faculdade de medicina e de me perguntaram se sabia costurar... Não consigo fazer as minhas próprias roupas, mas estas pessoas maravilhosas conseguem. É uma situação quase embaraçosa. Sinto-me muito orgulhosa de trabalhar para o sistema de saúde britânico, mas tenho amigos na Alemanha que me enviam equipamento pelo correio, porque estão preocupados com a minha segurança.
MEGAN JOHN
Médica

Josh Dix também é um dos voluntários e imprime viseiras em 3D a partir do quarto. Recebeu 72 pedidos de profissionais de saúde 3 horas depois de ter feito uma publicação nas redes sociais: "Fiz uma pesquisa na internet, encontrei alguns ficheiros e comecei a imprimir.''

O governo diz que está a fazer o possível para aumentar a cadeia de abastecimento de equipamentos de proteção individual. Na quarta-feira de manhã, chegou uma remessa de 400 mil batas cirúrgicas a esta base aérea militar que fica a cerca de uma hora de Londres e há aviões em espera para transportarem mais remessas da Turquia. No entanto, 400 mil batas ainda são uma gota no oceano, avaliando as necessidades diárias dos milhares de profissionais de saúde.
ANGELA BARNES
Euronews

Mas, por enquanto, os profissionais de saúde continuam a contar com o apoio da comunidade e dos voluntários que ajudam como podem enquanto o governo britânico tenta resolver a situação.