EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Itália reabre museus e locais arqueológicos

Itália reabre museus e locais arqueológicos
Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os visitantes começam a voltar a alguns dos locais mais importantes do património italiano, com novas regras de higiene e segurança.

PUBLICIDADE

Em Itália, o desconfinamento progressivo está a passar por algumas das maiores riquezas do país: a cultura e a herança histórica.

O complexo de Paestum, na região da Campânia, foi o primeiro local arqueológico do país a reabrir ao público, no dia 18, sob medidas de segurança apertadas, como a obrigação do uso de máscara e desinfeção das mãos ou a introdução de um sentido único de visita. Um dos monumentos mais conhecidos de toda a Itália, o Coliseu de Roma, reabre na próxima semana.

Uma visitante de Paestum, professora, diz que veio passar o fim de semana e aproveitou para proporcionar uma visita virtual aos alunos, a quem dá aulas à distância e eles adoraram.

Os museus do Vaticano estão a preparar-se para voltar a receber o público no dia 1 de junho. Segundo as novas regras, as visitas a estes e outros museus só se poderão fazer mediante reserva antecipada. Os visitantes terão de usar máscaras e vai-lhes ser medida a temperatura à chegada.

Vai também haver pessoal médico no local, para o caso de surgir alguma emergência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

A incerteza no setor do turismo em itália

Museus de portas (re)abertas

Museu italiano recria floresta de borboletas da Tanzânia