EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Teatro em tempos de pandemia

Teatro em tempos de pandemia
Direitos de autor ClearedEuronews
Direitos de autor Cleared
De  Teresa Bizarro
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Companhia alemã encena peça em que os espectadores não saem do carro. O texto de "O Método" retrata uma sociedade em 2057 afetada por um vírus em em que o isolamento social é o tratamento

PUBLICIDADE

A companhia municipal de Teatro de Gotinga, na Alemanha, descobriu a forma de driblar o vírus e ter público todos os dias. Escolheu uma obra que fala da saúde como obsessão e do isolamento como solução. "O Método" é inspirado no livro "Corpus Delicti", de Juli Zeh. Uma história que se conta em quatro cenários. Acessíveis apenas de carro.

A atriz Marina Lara Poltman explica que a ideia de usar o parque de estacionamento surgiu quando se tornou impossível usar o palco. Este modelo é especial - conta - "as pessoas vão sentadas no carro, de janelas fechadas, sem possibilidade de ter contacto físico com outros".

A Deutsches Theater de Gotinga é uma companhia municipal. Não tem de se preocupar em pagar salários, como acontece com os coletivos privados. Assumem por isso que tiveram a liberdade de encenar uma peça sem constrangimentos financeiros.

O diretor explica que a ação foi desenhada em forma de percurso . Erich Sidler diz que é natural que, dentro do carro a ver os atores, os espetadores "tomem consciência de um isolamento redobrado". Explica que "o som é enviado para dentro dos carros", criando uma "intimidade através da acústica". Uma "discrepância que as pessoas conhecem bem" porque "estiveram nas últimas semanas a gerir proximidade e distância".

A peça apresenta uma sociedade fria e assética, transformada por um vírus.

Como se fossem quadros de Hoper, os atores encarnam personagens que passaram de seres sociais a zombies isolados.

12 carros têm o privilégio de assistir diariamente a esta composição que deu nova vida à garagem do Teatro de Gotinga. Os bilhetes estão esgotados para todas as sessões.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tiago Rodrigues nomeado diretor do Festival de Avignon

Indústria teatral britânica em crise profunda

Reino Unido cria plano de emergência para as artes