Última hora
This content is not available in your region

Minneapolis em estado de sítio vive quarta noite de protestos

euronews_icons_loading
Minneapolis em estado de sítio vive quarta noite de protestos
Direitos de autor  Dave Killen/The Oregonian/AP
Tamanho do texto Aa Aa

Minneapolis está em estado de sítio e assistiu à quarta noite de protestos. Várias outras cidades dos Estados Unidos juntaram-se ao movimento de protesto pela morte de George Floyd, como Nova Iorque, Atlanta, San Jose ou Houston. O agente da polícia foi acusado de homicídio de terceiro grau.

As autoridades impuseram um recolher obrigatório durante a noite para tentar conter a violência na cidade - vários edifícios foram incendiados e estabelecimentos comerciais saqueados.

Donald Trump, enviou o Exército para dar apoio ao Governador e deixou um aviso no twitter: "quando o saque começar, começa o tiroteio".

George Floyd, um afro-americano desarmado, morreu na segunda-feira enquanto estava sob custódia da polícia. As tensões começaram depois da divulgação das imagens da morte do cidadão negro de 46 anos, asfixiado pelo joelho do polícia Derek Chauvin.