Última hora
This content is not available in your region

Israelitas protestam contra plano de anexação

euronews_icons_loading
Israelitas protestam contra plano de anexação
Direitos de autor  Sebastian Scheiner/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Em Telavive, Israel, milhares de pessoas marcharam contra o plano dos Estados Unidos que pretende anexar uma parte dos territórios ocupados na Cisjordânia. A manifestação foi organizada por partidos de esquerda e organizações não-governamentais. O plano de Donald Trump, que tem o acordo do governo israelita, prevê que os colonatos judaicos possam ser anexados a Israel em troca da criação de um Estado palestiniano, o que as forças da palestina rejeitaram

Diz um participante na manifestação; "O plano de anexação, que pode levar a tumultos e mesmo a uma guerra, não vai conseguir nada. Os planos de Israel e dos Estados Unidos não têm nada a ver com a paz".

Outra manifestante diz que "quer justiça para os palestinianos e paz para ambos os povos, israelitas e palestinianos. Numa situação de apartheid, não pode haver paz para ninguém, nem justiça".

Depois do acordo para formar governo que Benjamin Netanyahu alcançou com o rival Benny Gantz, o plano de Trump pode ser submetido ao conselho de ministros e ao Parlamento já no dia um de julho.

A anexação dos territórios vai contra as leis internacionais e deve, com grande probabilidade, acender ainda mais as tensões na região.