Última hora
This content is not available in your region

Supremo dos EUA dá luz verde à primeira execução federal em 17 anos

euronews_icons_loading
Supremo dos EUA dá luz verde à primeira execução federal em 17 anos
Direitos de autor  AP / Andrew Harnik
Tamanho do texto Aa Aa

Há 17 anos que não havia uma execução nos EStados Unidos por decisão federal. O Supremo Tribunal norte-americano deu esta terça-feira luz verde à execução de Daniel Lewis Lee, condenado à morte pelo homícidio de um vendedor de armas, mulher e filha de 8 anos, em 1996.

Uma decisão em tempo recorde, depois de um tribunal de recurso ter travado à ultima hora a execução prevista para as 4 da tarde desta segunda-feira.

A sentença foi já executada com uma injeção letal, procedimento que tem sido contestado depois de várias autópsias terem mostrado que os medicamentos causam coágulos nos pulmões.

Lee declarou-se inocente até à hora da morte.

Para a família das vítimas, "esta sentença só causou mais dor e sofrimento". Monica Veillete, explica que "a cada nova data, os familiares são chamados", causando um desgaste emocional e contesta os que dizem que esta morte é feita em nome da sua família. Diz que isso não é "autentico ou sequer verdadeiro."

Tudo indica que Daniel Lewis Lee foi o primeiro de uma lista de mais de 60 prisioneiros que estão no corredor da morte. Há mais duas execuções programadas para esta semana.