Última hora
This content is not available in your region

Covid-19: Uma doença com efeitos de longo prazo

euronews_icons_loading
Covid-19: Uma doença com efeitos de longo prazo
Direitos de autor  Jan M. Olsen/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

No início da pandemia acreditava-se que o novo coronavírus provocava apenas uma doença nos pulmões. Mas doentes como Peter Otto Hansen, residente na Dinamarca, sofrem, agora, de efeitos colaterais após a recuperação. A prova de que a Covid-19 é muito mais de que uma simples doença passgeira.

"As minhas taxas de infeção eram altíssimas. Foram-me diagnosticados alguns coágulos sanguíneos, coágulos menores nos dois pulmões. Depois tive problemas respiratórios. Os médicos não conseguiam perceber porque motivo tinha coágulos de sangue e coisas deste tipo. Por isso continuo a fazer pressão, porque sou o tipo de pessoa que acompanha as coisas", sublinha Peter Hansen, empresário do setor da restauração.

Vários estudos internacionais indicam, agora, que muitos pacientes com Covid-19 podem levar meses a recuperar o anterior estado de saúde. O desconhecimento em relação à doença continua a ser um obstáculo, como refere Jens Lundgren, professor de doenças infecciosas: "É uma doença bastante mais complexa. É extremamente diversa. As pessoas têm dificuldade em respirar, mas também ficam cansadas. Têm mais necessidade de dormir do que o costume e fragilidade física, incapacidade de se concentrarem."

Roya Hoffmeyer, por exemplo, perdeu grande parte do cabelo, sendo forçada a recorrer a uma peruca. "Inicialmente tive febre e dores, mas não foi nada extremo. Agora isto", lembra a tradutora.

Para muitos, a Covid-19 não passa de uma infeção passageira com poucos efeitos de longo prazo. Os especialistas em matéria de saúde apelam, no entanto, a um maior apoio aos que enfrentam um longo período de recuperação.