Um Tour diferente de todos os outros

Um Tour diferente de todos os outros
Direitos de autor MARCO BERTORELLO/AFP or licensors
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Como é que os espetadores respeitam as normas de distanciamento ditadas pela Covid-19? Reportagem da euronews na chegada da 14ª etapa.

PUBLICIDADE

De máscara e respeitando uma distância mínima de um metro uns dos outros e nem pensar em chegar perto dos corredores: São essas as regras que os espetadores da Volta a França têm de observar para poderem ver os ciclistas, nos locais onde ainda é possível fazê-lo, já que nos pontos mais sensíveis, como a meta e certas subidas, estão impedidos.

A euronews foi ver a chegada da décima quarta etapa, entre Clermont-Ferrand e Lyon, ganha pelo dinamarquês  Soren Kragh Andersen (Sunweb) e constatou que, se o porte da máscara é respeitado por todos, já a distância de um metro é difícil de respeitar.

A volta a França prossegue agora rumo aos Alpes. Segunda-feira é dia de descanso e de mais uma ronda de testes no pelotão. O alerta mantém-se alto. A pandemia está a agravar-se em França e respeitar as medidas de prevenção é, agora, mais do que um dever.

Nome do jornalista • Ricardo Figueira

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tadej Pogačar: do Algarve ao "olimpo" do ciclismo em Paris

Tadej Pogacar campeão virtual da Volta à França em bicicleta

Político apela à retirada da nacionalidade francesa ao futebolista Karim Benzema por causa da Irmandade Muçulmana