Última hora
This content is not available in your region

Moldavos escolhem novo presidente

euronews_icons_loading
Moldavos escolhem novo presidente
Direitos de autor  Roveliu Buga/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 40% dos moldavos votaram nas presidenciais deste domingo, garantindo assim os 33,3% de participação necessária para o escrutínio ser validado.

Nestas eleições, o candidato pró-russia, Igor Dodon, concorre a um segundo mandato contra a antiga primeira-ministra, Maia Sandu, que quer aproximar o país da União Europeia.

Em 2014, a Moldávia assinou um acordo sobre laços políticos e económicos mais estreitos com Bruxelas. Mas os 27 têm sido cada vez mais críticos em relação aos progressos em matéria de reformas. Durante a campanha, Sandu prometeu mais apoio financeiro do bloco se se tornasse presidente.

As eleições num dos países mais pobres da Europa, com três milhões e meio de habitantes, acontecem no meio de uma recessão económica agravada pela pandemia.

Os especialistas prevêem uma segunda volta no dia 15 de novembro, uma vez que nenhum dos candidatos deverá conseguir uma maioria absoluta.