Última hora
This content is not available in your region

Michael Rezendes: "Trump quer continuar a governar como um ditador"

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira
euronews_icons_loading
Michael Rezendes em entrevista
Michael Rezendes em entrevista   -   Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Para nos ajudar a perceber melhor o processo de voto no Colégio Eleitoral dos EUA e o que podemos esperar até à tomada de posse de Joe Biden em janeiro, a Euronews falou com Michael Rezendes, jornalista vencedor do prémio Pulitzer.

Ricardo Figueira, Euronews: Depois desta confirmação de Joe Biden como próximo presidente dos Estados Unidos, com este voto do colégio eleitoral, vai Donald Trump finalmente aceitar a derrota nas eleições?

Michael Rezendes: Não, não acredito que ele vá aceitar a ideia de que perdeu as eleições. Mesmo se não há quaisquer provas de fraude em nenhum dos 50 Estados. Acredito que Donald Trump vai continuar a insistir que as eleições foram roubadas. Neste momento está a angariar milhões de dólares, que vai poder utilizar como quiser e continuar a dizer que lhe roubaram estas eleições. O que, obviamente, não é verdade.

O processo estará concluído quando o congresso contar os votos, o que acontece numa sessão no início de janeiro, presidida pelo vice-presidente Mike Pence. É possível que Pence ou outro membro do Congresso tente minar o processo e invalidar os resultados?

Infelizmente, sim. Há um grupo de congressistas que vai tentar invalidar os votos do colégio eleitoral, o que é permitido pela constituição norte-americana. Vai ser muito difícil levar esse processo avante, tem de haver um promotor tanto na Câmara dos Representantes como no Senado e ambas as câmaras têm de estar de acordo sobre os votos em determinado Estado não serem válidos. Isso, muito provavelmente, não vai acontecer, porque os democratas controlam a Câmara dos Representantes. Mesmo assim, o desafio vai ser feito. Como resultado, o processo vai ser atrasado e a integridade comprometida, o que é muito triste.

Há um grupo de congressistas que vai tentar invalidar os votos do colégio eleitoral.
Michael Rezendes
Jornalista Associated press

Alguma vez imaginou um presidente derrotado a querer minar o processo democrático e a recusar reconhecer uma derrota, como está a fazer Donald Trump?

Não, nunca pensei que isso fosse acontecer, nem durante a presidência de Trump. Nunca imaginei que ele se recusasse a reconhecer a derrota e tentasse continuar a governar os Estados Unidos como se fosse um ditador. Para mim, é inconcebível alguém desafiar resultados que foram comprovados pelas autoridades, tanto republicanas como democratas, por juízes apontados por republicanos e democratas e inclusive juízes nomeados pelo próprio Donald Trump.

Nunca imaginei que Donald Trump se recusasse a reconhecer a derrota e tentasse continuar a governar os Estados Unidos como se fosse um ditador.
Michael Rezendes
Jornalista Associated Press

Nome do jornalista • Ricardo Figueira

Editor de vídeo • Ricardo Figueira