Última hora
This content is not available in your region

Líder fugitivo de Tigray quebra silêncio

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Tigray
Tigray   -   Direitos de autor  Nariman El-Mofty/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Após três meses em fuga, o líder da região de Tigray quebrou o silêncio e apelou à comunidade internacional para investigar o que designou como genocídio e outros abusos perpetrados por forças etíopes e da Eritreia na região.

As declarações do líder fugitivo foram divulgadas no sábado.

Desde o início dos confrontos no início de novembro passado que Debretsion Gebremichael se encontra em fuga.

Nas declarações, o líder de Tigray denunciou a vaga de assassinatos recentes de outras figuras políticas da região.

O governo etíope não reagiu às declarações.

O primeiro-ministro etíope Abiy Ahmed colocou de lado os líderes da região de Tigray depois de chegar ao poder em 2018.

Há praticamente três décadas que o governo etíope era dominado por líderes originários da região de Tigray.