EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Explosões no Afeganistão matam pelo menos duas pessoas

Explosões no Afeganistão matam pelo menos duas pessoas
Direitos de autor Rahmat Gul/Copyright 2019 The Associated Press. All rights reserved.
Direitos de autor Rahmat Gul/Copyright 2019 The Associated Press. All rights reserved.
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As vítimas, que seguiam num carro armadilhado, eram um chefe da polícia e o guarda-costas. Vários assassinatos de funcionários públicos têm ocorrido no país, mas o ataque ainda não foi reivindicado.

PUBLICIDADE

Várias explosões abalaram, esta quarta-feira, a capital do Afeganistão, Cabul, matando pelo menos duas pessoas e deixando outras cinco feridas.

As vítimas mortais, um chefe da polícia local e o guarda-costas, iam dentro de um carro quando uma bomba colocada no veículo foi detonada à distância.

O ataque está ainda por reivindicar.

"Um veículo SUV estava a passar por aqui, quando houve uma explosão, havia fumo por todo o lado, e o carro estava em chamas. Assim que nos aproximámos, vimos algumas pessoas presas lá dentro", relatou uma testemunha no local.

Este foi o mais recente de uma série de ataques no país. Esta terça-feira, cinco funcionários do governo e quatro agentes da polícia foram assassinados em Cabul.

As autoridades nacionais atribuem a onda de violência às forças talibãs no território. Ainda esta semana, o exército afegão afirmou ter ter morto, ao longo dos últimos dias, 80 insurgentes, na província oriental de Nangarhar.

Após a retirada de 2500 militares norte-americanos do país, durante a administração Trump, o presidente Joe Biden discute, esta quarta-feira, no Pentágono, a situação militar no Afeganistão.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Homenagem ao líder da resistência afegã à ocupação soviética

"Estado da União": Regressou o "amigo-aliado" norte-americano

NATO analisa retirada de tropas do Afeganistão