Última hora
This content is not available in your region

França fecha escolas para travar covid-19

euronews_icons_loading
França fecha escolas para travar covid-19
Direitos de autor  Ludovic Marin/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

O agravamento do surto de covid-19 em França levou Emmanuel Macron a agravar também as medidas de restrição em vigor no país. A abordagem ligeira e diferenciada de região para região tem-se revelado insuficiente para inverter a tendência e esta quarta-feira o chefe de Estado francês anunciou uma série de novas medidas para travar o contágio.

O confinamento passa a aplicar-se a todo o território, até agora estava em vigor apenas nos departamentos mais problemáticos, mas qualquer cidadão pode sair sem problemas, entre as 6 e as 19 horas, até 10km da sua residência.

As viagens entre regiões passam a ser proibidas mas só depois do fim de semana de Páscoa.

A grande novidade prende-se com o encerramento das escolas durante três semanas, medida que sempre foi vista pelo governo francês como um último recurso. Ainda assim, em boa parte do território o encerramento coincide com as duas semanas de férias de Páscoa.

O sistema de saúde francês está à beira do colapso, com mais de cinco mil doentes nas unidades de cuidados intensivos. A covid-19 já matou mais de 95 mil pessoas no país.